domingo, 19 de agosto de 2012

Dia 19 - Dia do Artista de Teatro

Olá gente!

Claro que eu, como atriz formada, não  poderia deixar de falar sobre o dia de hoje, o Dia do Artista de Teatro.

E nós, como ministros de dança, também estamos incluídos nesse dia, afinal, o que é um espetáculo de dança senão uma outra forma teatral de ver o mundo? E o que seria da ministração com danças sem as regras básicas do teatro, que tanto nos ajudam nas técnicas de concepção de palco, luz, figurino e maquiagem?

Uma arte complementa e ajuda a outra, e as duas nos dão maiores ferramentas para a nossa adoração ficar mais rica e mais bonita. Fazer o melhor para Deus!

O teatro tem uma beleza ímpar, e nessa arte, o ator pode ser o que quiser, pode contar a história que quiser, com muitos, poucos ou nenhum recurso.

A primeira vez oficial que um ator resolveu representar foi na Grécia. Ele colocou apenas uma máscara, ficou de pé numa carroça e, impostando a voz, bradou: "Eu sou Baco!" E todos ficaram abismados, pois a interpretação fora tão perfeita que eles ficaram parados, olhando, esperando que algo lhes acontecesse. Mas muito antes disso, no Velho Testamento, Deus instruiu o profeta Ezequiel a interpretar a mensagem que queria passar ao seu povo, usando expressões específicas, adereços e até mesmo objetos de cena, confeccionados por ele com instruções de Deus (Ezequiel 4).

A arte de interpretar é, de certa forma, mágica, pois é capaz de, sem nenhum outro recurso como maquiagem, figurino etc, entreter o espectador e fazê-lo viajar na história contada, e ele se esquece que quem está ali é o ator, um amigo ou parente, e passa a ver apenas o personagem.

Fazer isso para o Reino de Deus é magnífico, pois o teatro tem o poder de captar a atenção de quem quer que seja, adultos ou crianças, velhos ou jovens, homens ou mulheres, e passar uma mensagem. Já imaginou o poder disso dentro da evangelização?

Então, amados, vamos usar esses dons que Deus colocou em nossas mãos para a propagação do Seu doce Evangelho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário