sábado, 11 de setembro de 2010

Voto Consciente II

Bem, na postagem anterior, falei sobre voto consciente, sobre a nossa preocupação com estas eleições. Agora venho para falar sobre alguns projetos de lei que temos que ficar antenados.
Nós, geralmente, nem prestamos atenção a quem votamos, nem sequer pesquisamos nossos candidatos. Você sabe o que acontece no Senado, nas Câmaras, em Brasília?

Na eleição de 2002, os evangélicos elegeram 73 Deputados Federais. Em 2006 foram eleitos apenas 22 Deputados evangélicos. Perdemos 51 cadeiras no Congresso Nacional e, como conseqüência, vários projetos estão sendo desarquivados para prejudicar as igrejas.

Confira alguns dos Projetos de Lei contrários à Igreja de Cristo:

1. Projeto de Lei 1024/03
Trata sobre poluição sonora, mas busca fechar as igrejas com problemas com o som.

2. Projeto de Lei 1151/95
Sobre casamento gay. As igrejas que não realizarem casamentos homossexuais estarão fazendo discriminação e, portanto, poderão ser multadas e os pastores processados. Este projeto prevê, também, que o dia do orgulho gay seja oficializado em todas as cidades brasileiras.

3. Projeto de Lei 122/06
Considera crime inafiançável (isto é, que não se pode ser solto sob pagamento de fiança) qualquer manifestação contrária aos homossexuais e suas práticas em qualquer lugar público, inclusive dentro das igrejas, com pena de 2 a 5 anos de prisão para os pastores.

4. A Lei 257/01
Já está em vigor em nível nacional, agora, quando os municípios a adotarem em seus Planos Diretores, apenas serão construídas as igrejas que tiverem a aprovação dos vizinhos num raio de 500 metros.

5. Projeto de Lei 1154/03
Proíbe a veiculação de programas que o teor seja considerado "preconceito religioso". Se aprovado será crime pregar sobre idolatria, feitiçarias e rituais satânicos. A verdade sobre esses atos contrários à Palavra de Deus não poderá ser mais mostrada.

6. Proposta de Alteração na Constituição
Para proibir o culto fora dos templos (evangelismo de rua).

7. Projeto de Lei 6398/05
Apenas poderão fazer programas de rádio e televisão pessoas com formação superior em Jornalismo. A maioria dos pastores não poderiam atuar no rádio e na televisão.

Pesquise bem seus candidatos e faça diferença nas eleições 2010. Agora, é hora de AGIR.

2 comentários:

  1. Se estes acontecimentos são profeticos por o desespero e preocupação se é evangelico ou não que vai estar no poder? . Quando acontecer estas coisas jesus esta as portas? e não é isto que queremos? a volta de cristo? então por tantas preocupaçõs com leis terrestre? Seria uma questão politica da igreja?

    ResponderExcluir
  2. A Bíblia diz que devemos escolher um governante segundo os princípios dele em Deuteronômio 17:15. E também, devemos fazer aquilo que Deus nos manda. Não é simplesmente escolher um líder evangélico, mas um líder que nos represente, e que faça aquilo que tem que ser feito. Se o representante que você escolher faz aquilo que você não concorda, a culpa é sua por tê-lo escolhido. Agora, se vc não votou nele, e ele ganhou, sua consciência está tranqüila.

    ResponderExcluir