Sapatilha de Ponta - Formato de Pés

Gente, encontrei esta manhã um estudo muito legal sobre os formatos de pés e a sapatilha ideal. Por isso, vou postar aqui, com os devidos créditos.



"Durante a escolha da sapatilha de ponta, não basta saber de cor o nome de todas as marcas e modelos disponíveis no mercado, bem como todas as etapas a seguir no momento do ajuste. Tornar-se uma expert da tecnologia de sapatilhas em nada ajuda se a bailarina não conhecer seu próprio corpo e suas limitações (tanto físicas, como psicológicas).

Pode-se classificar os formatos dos pés em três tipos distintos: Grego, Egípcio e Quadrado. Enumere os dedos dos pés, do dedão ao dedinho, de 1 a 5. Para cada formato, existem as seguintes fórmulas:

a.Pé Grego – 1<2>3>4>5;

b.Pé Egípcio – 1>2>3>4>5;
c.Pé Quadrado – 1=2>3>4>5.

Pé Grego: este tipo de pé possui o segundo dedo mais comprido que os demais.

Pé Egípcio: o dedão é o maior que todos os demais dedos, que diminuem de tamanho gradualmente.

Pé Quadrado: Este tipo de pé apresenta, pelo menos, três dedos do mesmo tamanho.

Não entendeu? A figura ajuda:


De forma bastante grosseira, pode-se considerar que o pé Egípcio possui a planta mais larga e o Grego a planta mais estreita. Entretanto, há pés largos ou estreitos para ambos os tipos Egípcio ou Grego.

O quadro abaixo dá uma excelente sugestão para as marcas mais adequadas aos formatos dos pés. Mas lembre-se de que é apenas uma sugestão.

O ajuste de toda sapatilha é individual e deve ser acompanhado, nas primeiras vezes, por um especialista ou por seu professor.

Este é apenas um guia prático para a orientação da escolha da sapatilha de acordo com as características anatômicas dos pés. Antes de verificar o quadro, determine o formato do seu pé, fazendo um contorno dele numa folha de papel e comparando o desenho com a figura acima.

ATENÇÃO: Leia todas as dicas abaixo do quadro antes de realizar a escolha.


 Clique na figura para vê-la maior.

Eixo vertical = Formato da caixa da sapatilha visto de lado (Quanto mais acima no eixo vertical, mais larga é a caixa. Quando mais abaixo no eixo, mais estreita é a caixa)

Eixo horizontal = Formato da caixa visto de cima (O lado esquerdo é mais estreito e o direito é mais largo)

* As informações do quadro têm propósitos apenas sugestivos. O quadro não garante a precisão absoluta do ajuste da sapatilha. Embora seja considerado apenas o aspecto da caixa, lembre-se que os demais itens da morfologia da sapatilha (altura da gáspea, do calcanhar, etc) também são importantes. Em geral, quanto menor o número da sapatilha, maior é a aparência do tamanho da plataforma e da caixa.

* O quadro não considera as diferentes larguras das caixas em um mesmo modelo de sapatilha (Geralmente, são as letrinhas A, B, C, etc impressas na sola da sapatilha)

* O quadro é o resultado de um estudo realizado pela Bordeaux. Portanto, é apenas um comparativo do tamanho das caixas e não é baseado em minha própria percepção ao calçá-las. Por esta mesma razão, modelos de sapatilhas brasileiras não foram incluídos.


DICAS E SUGESTÕES

Se você tem PÉ EGÍPCIO:

* Se o dedão e o segundo dedo, ou os três primeiros dedos têm aproximadamente o mesmo tamanho

É recomendada caixa de largura média a grande.
Se o arco plantar é alto – zona amarela clara a verde
Se o arco plantar é baixo (pé chato) – zona rosa clara a azul

* Se o dedão é maior que os demais dedos

Este tipo de pé é provavelmente o que apresenta menor simetria com relação ao formato das caixas. Se a caixa for muito estreita, ela não acomodará o dedão. E se for muito larga, haverá sobra de espaço para os demais dedos, exceto o dedão, dificultando a técnica e aumentando o desconforto. É possível que você escolha sapatilhas de caixas mais largas. Entretanto, considerando o excesso de peso em cima do dedão, a escolha pode mudar para uma caixa de largura média.

O importante é acomodar os demais dedos com os ajustadores e ponteiras, alinhando a altura dos mesmos e distribuindo o peso em todos os dedos. Lembre-se que sapatilhas muito largas tendem a dirigir todo o peso do corpo para o dedão.


Se você tem PÉ GREGO:

*Se apenas o segundo dedo é maior

Caixas de largura média a estreita são recomendadas
Se o arco plantar é alto – zona amarela
Se o arco plantar é baixo (pé chato) – zona rosa

Para cada zona, escolha a sapatilha mais larga se o seu pé é largo. E a sapatilha mais estreita se seu pé é estreito. Mas cuidado para não escolher uma caixa muito larga, mesmo que você tenha pés largos. Isso pode aumentar o peso sobre o segundo dedo e causar dor.

Utilize ponteiras de gel e ajustadores para acomodar os demais dedos. Se seu pé é muito estreito, utilize ajustadores também nas laterais e nos calcanhares.

*Se o segundo e o terceiro dedos possuem mais ou menos o mesmo tamanho

Caixas de largura média a larga são recomendadas.
Se o arco plantar é alto – zona amarela clara a verde
Se o arco plantar é baixo (pé chato) – zona rosa a azul

Pés gregos com dedos de tamanhos equivalentes não se adaptam muito bem em caixas estreitas, oferecendo uma sensação de aperto nos dedos.


Se você tem o PÉ QUADRADO:

* Se o arco plantar é alto

Com relação à largura da caixa, recomendam-se as sapatilhas da zona verde
Se o pé é largo – modelos mais largos da zona verde
Se o pé é estreito – modelos mais largos da zona verde

* Se o arco plantar é baixo (pé chato)

Com relação à largura da caixa, recomendam-se as sapatilhas da zona azul
Se o pé é largo – modelos mais largos da zona azul
Se o pé é estreito – modelos mais largos da zona azul

Caixas muito estreitas poderão causar dor no dedão e no dedinho, mesmo que a largura do seu pé seja estreita.


E mesmo que as larguras sejam as mesmas…

Caixas de mesmo tamanho e mesma largura podem ainda ser divididas em: “arco alto em pé estreito” e “arco baixo em pé largo”.

Se o arco plantar é alto – zona amarela ou verde
Se o arco plantar é baixo – zona rosa ou azul



O arco plantar é uma medida em Ortopedia dada pela impressão plantar. Basicamente, é como de define se a pessoa tem pé plano (pé chato), pé normal ou pé cavo. Há diversos problemas anatômicos relacionados com o arco plantar. Mas para nós, basta ter uma ligeira noção de como é o formato do arco de seu pé ou consultar seu ortopedista.

Apesar de todas as dicas, lembre-se de que o uso das sapatilhas de ponta, por melhor que seja o ajuste, não é confortável. É necessária uma grande dose de paixão e tolerância para encararmos o desafio. Mas somos bailarinas e para nós tudo é possível."

Espero que tenham gostado da matéria! Sempre que eu encontrar algo legal assim, que valha à pena todos nós sabermos, postarei aqui.

Abraços a todos e fiquem com Deus!

Share this:

JOIN CONVERSATION

2 comentários:

  1. Olá!
    Super lindo seu blog hem...
    to te seguindo ok?
    bjãO

    ResponderExcluir
  2. Oi May! Obrigada! Deus te abençoe muito!

    ResponderExcluir