Dança Moderna

A Dança Moderna surgiu na América, no início do século 20, como forma de quebrar com a formalidade do ballet, tentando retirar a previsibilidade das mostras populares de dança daquele período. Também fez parte da revolução da era da Arte Moderna, na mesma década, que influenciou artistas de todos os segmentos.

Os bailarinos da época estavam insatisfeitos com as opções que tinham, a formalidade e rigidez das coreografias, e uniu-se com o desejo de transmitir à plateia um senso de realidade interior e exterior, um objetivo que inspira bailarinos modernos até hoje.

Martha Graham

Os pioneiros são: Loie Fuller, Ted Shawn, Maude Allan e Isadora Duncan, autora da célebre frase: "A arte não é, de modo nenhum, necessária. Tudo o que é preciso para tornarmos o mundo mais habitável é o amor."

Isadora Duncan

A dança moderna é uma das formas mais sublimes de se expressar o que se passa no interior do bailarino. Por isso é uma dança tão importante na dança litúrgica, na dança gospel, pois o Ministro de Dança tem inúmeras possibilidades e liberdade de expressar o que se passa em seu interior.

"Dançar com a alma" é uma das definições da dança moderna.

A dança moderna tem estilo diferente do ballet clássico. Enquanto o ballet clássico prima pela frontalidade (bailarinos sempre de frente, quando giram buscam o contato com a "parede invisível" - divisão do palco e platéia, pés e joelhos voltados para fora), a dança moderna quebra essa regra e coloca o bailarino muitas vezes de costas para o público, pés em en dedans (para dentro ou para frente) etc. Enquanto o ballet clássico prima pelo corpo esguio e altivo (raramente o bailarino se curva, bailarinas sobem nas pontas), a dança moderna busca os planos médio e baixo, onde o bailarino tem liberdade para deitar-se no chão, sentar-se, curvar-se, e o centro de seu corpo é o plexo solar (ventre e peito). Enquanto o figurino no ballet clássico é formal, contando com malhas apertadas para mostrar a virtuose dos músculos dos bailarinos, a dança moderna trás liberdade em seus figurinos, deixando o bailarino livre para executar seus movimentos.
Embora haja essas diferenças, muitos passos do ballet clássico ainda são mantidos dentro de uma coreografia moderna. Basta usar a criatividade para deixar fluir todo o amor e os sentimentos do bailarino na dança.
Trazendo tudo isso para a realidade da dança cristã, fiz uma pesquisa e trouxe alguns videos de dança moderna.


Profetas da Dança







Studio do Corpo




E existem muitos outros. Crie sua própria coreografia moderna e deixe o Espírito Santo de Deus falar. Vai ser tremendo!

Share this:

JOIN CONVERSATION

    Blogger Comment

0 comentários:

Postar um comentário