O Leão


Você já viu um leão, ainda que num zoológico? Já parou pra notar a realeza natural na imponência da postura e do olhar que este animal tem? Não é à toa que ele é considerado o rei dos animais. Muito menos que este é um dos símbolos de Jesus, como Rei.

Usar esta imagem como símbolo nas ministrações é corriqueiro. Por isso, venho com algumas ideias e dicas para ajudar você a criar uma nova ministração baseada nesta figura tão importante para nós, cristãos.




O Leão é o símbolo da Realeza de Jesus. É quando o Cordeiro de Deus se torna o Rei. Por isso, nas ministrações, o Leão tem que estar com imponência de realeza, e isto se reflete nos passos de dança, nas vestes, nos adereços, na maquiagem, na postura, etc.


1. Vestes

As vestes devem refletir a realeza do leão. Opte pelas cores da realeza: dourado, que remete à riqueza e ao ouro; amarelo, que remete ao óleo da unção, com que eram ungidos os reis, e também o fato de Jesus ser o Ungido; marrom que remete ao homem, por ser Cristo o Filho do Homem, e também a característica de humildade dele; o branco, que remete à pureza de Cristo, e sua característica de cordeiro. Juntando essas cores, pode-se construir belas vestes.

Sugestões:

- Calças pantalonas douradas, blusa de brocado marrom com dourado, faixa na cintura dourada ou amarela, acessórios dourados, uma coroa na cabeça.

- Vestido com corpete de brocado branco com dourado, saias em degradê (três saias: a de cima branca, a do meio mais comprida que a de cima amarela e a de baixo mais comprida que a anterior marrom), calça leg marrom, meias brancas e sapatilhas bege, coroa na cabeça.

São apenas sugestões que me ocorreram agora. Mas você pode criar suas próprias vestes. Aqui vão algumas imagens de internet.







2. Adereços

Alguns adereços podem ser usados, indicando a realeza. Cetros dourados, bastões, bambolês (arcos) dourados, arcos de fitas douradas, amarelas e marrons, tamboris de miriã com fitas marrons, douradas e amarelas. Tudo isso para fazer uma grande festa de celebração pela chegada do Rei Jesus. Há tutorial aqui no blog para todos esses adereços. É só clicar no índice do lado esquerdo, no nome COMO FAZER.










3. Cabelo

O interessante é deixar os cabelos meio soltos, e fazer os penteados que os reis faziam na época de Davi e Salomão. Eram penteados trançados, mas com cabelos soltos e com cachos.














4. Maquiagem

Existem maquiagem artísticas específicas inspiradas na face do Leão, e outras que reproduzem a face do leão em nosso rosto. Veja aqui algumas para se inspirar.




























O brilho no alto da testa na maquiagem pode substituir a coroa dourada.

Dicas:
Para fazer as maquiagens de leão utilize pancakes nas cores branca, amarela e marrom, além de lápis para fazer os traços. Não use base, pois o pancake é à base de água, e não pega na base de maquiagem comum. O pancake não precisa de base prévia. Use corretivo em bastão para apagar traços dos lábios (para mudar o contorno) e sobrancelhas. Use lápis e delineador para desenhar os olhos de gatinho. Para fazer os contornos fortes com pancake, molhe o pincel mais fino na água antes de pegar o produto. Para fazer o nariz esfumaçado, use o pincel de blush no pancake marrom sem molhar e aplique no sentido da ponta do nariz para cima. Os batons podem ser com o próprio pancake ou utilizando mistura de cores de batom. Para fazer um efeito degradê, use lápis no contorno e, com o pincel, vá aplicando as cores mais escuras nas extremidades e mais claras no interior. Não misture pressionando um lábio no outro para não desmanchar.


5. Passos de Dança

A figura do Leão pode ser uma ministra na sapatilha de ponta, o que dá um ar de altivez e realeza à dança. Combinando passos de ballet clássico com o jazz, com saltos e giros vigorosos. Alguns passos aéreos, onde os demais ministros erguem a pessoa que representa o Leão.



























Aqui vão alguns videos de pegadas ou lifts (quando erguemos o corpo de alguém na dança). Veja para ter algumas ideias. Mas cuidado. Escolha as mais fáceis e ensaie bastante. Algumas só alguns bailarinos experientes conseguem fazer. O trabalho não é todo de uma única pessoa, mas de ambos. Você pode fazer o que se faz no vídeo em pas de deux e transformar num pas de trois ou pas de quatre (passo de três pessoas ou de quatro pessoas). Em vez de uma única pessoa sustentar o corpo, duas ou mais o fazem. E a pessoa que está sendo sustentada tem que observar seu próprio corpo para ver a posição correta e sua postura, para não cair o equilíbrio.









Este aqui é para ser entre duas pessoas, mas podem ser três erguendo uma pessoa, ou mesmo quatro (um segura os quadris como no vídeo, duas os braços e outra as pernas). Tem o lift em que ele pega de costas pelos braços e ergue, ela fica meio sentada nos ombros. Esse dá pra fazer duas ou três pessoas.




Espere! Você gostou da postagem? Então dê uma olhada no material feito por mim que está disponível para você e seu ministério!








Clube de Autores     -     Loja Dança Cristã     -     Livraria Cultura

Share this:

JOIN CONVERSATION

    Blogger Comment

0 comentários:

Postar um comentário